É a ciência e a arte dedicada ao estudo e ao gerenciamento das exposições ocupacionais aos agentes físicos, químicos e biológicos, por meio de ações de antecipação, reconhecimento, avaliação e controle das condições e locais de trabalho, visando à preservação da saúde e bem estar dos trabalhadores, considerando ainda o meio ambiente e a comunidade.

Os riscos ocupacionais são os danos em potencial à saúde do trabalhador classificados em três categorias no ponto de vista da Higiene ocupacional, sendo: físico, químico e biológico.
 
Risco físico: Formas de energia perceptíveis ao sentido humano: ruído, vibrações, pressões anormais, temperatura, radiações ionizantes e radiações não ionizantes e umidade.
Risco químico: Substâncias químicas que estão presentes no ambiente são classificados em gases, vapores e aerodispersóides (estes últimos são subdivididos ainda em poeiras, fumos, névoas, neblinas, fibras); podemos entender os agentes químicos como todas as substâncias puras, compostos ou produtos (misturas) que podem entrar em contato com o organismo por uma multiplicidade de vias, impactando na saúde dos colaboradores;

 Risco biológico: são os agentes que se apresentam na forma de microrganismos e parasitas infecciosos vivos e suas toxinas, tais como: bactérias, fungos, bacilos, parasitas, protozoários e vírus, entre outros organismos, que podem penetrar no corpo humano através da pele, mucosas, por ingestão ou por via respiratória.




Consulte a DMS Consultoria em Segurança do Trabalho e Higiene Ocupacional e solicite um orçamento:

 - Avaliação de ruído;
 - Avaliação de agentes químicos;
 - Avaliação de ruído;
 - Avaliação de vibração;
 - Avaliação de iluminação.


Consulte a DMS Consultoria em Segurança do Trabalho e Higiene Ocupacional e saiba tudo que podemos fazer por sua empresa.





Solicite seu orçamento